Rapidinha #03 – Prejuízo à vista no Mercado Livre

Lembra do produto que despachei lá para o Ceará? Veja um pouco da saga aqui.

A Jadlog aceitou tranquilamente o meu produto e nem fez tanta questão da Declaração de Conteúdo (que pensei ser obrigatória), já que não tinha (não emito) nota fiscal.

Obs: o valor do frete do Melhor Envio deu diferença para menos em comparação com a Jadlog, então tive que pagar a diferença, totalizando o frete em R$ 32,00.

Tudo tranquilo até me deparar com um aviso no Mercado Livre informando que o bendito comprador estava querendo cancelar o pedido, pois de acordo com ele havia passado do prazo de entrega que eu informei. Como assim? E eu lá tenho culpa do cara morar no nordeste do país e demorar tanto para entregarem??? Eu passei o prazo que me passaram.

Eu passei o código para ele acompanhar, então era só esperar. Óbvio!

Olha o tanto de entradas (lugares) que a encomenda já fez até chegar ao destino (se já for o destino final, né)! Obs: ocultei as cidades por segurança.

Agora vem a mensagem padrão do Mercado Livre:

O Mercado Livre é ótimo para compradores, não tenho do que reclamar pois sempre resolveu meus problemas. Mas para os vendedores, sinto muito, é muita falta de consideração!

Pelo visto irei perder o valor do produto (que é personalizado e mandei fazer) e o valor do frete, já que a Jadlog nada tem a ver com os problemas de seus consumidores.

Em breve novidades.

That’s all folks!

O poder do hábito para mudança de vida – Parte 3

Dando continuidade a sequência de posts sobre o poder do hábito, como disse antes, muitas vezes o difícil não é iniciar algo, mas sim manter a rotina até o ponto que isso se torne um hábito e possamos fazer de maneira automática e muitas vezes prazerosa.

Hoje em dia é muito fácil procrastinar e perder muito daquilo que temos de mais valioso: o nosso tempo.

O smartphone veio para nos ajudar em diversas tarefas, inclusive a rolar a tela a esmo e sem objetivo algum, apenas para ver a vida alheia ou assistir a vídeos idiotas que nos mostram o quanto somos mais idiotas ainda.

Não sou perfeito, assim como ninguém é, mas um passo importante como eu sempre digo é reconhecer que você tem um problema.

Assumindo que você tem um problema você já está na metade do caminho para encontrar a solução.

Papai dos Investimentos

Dito isto, tenho vários objetivos, metas e ideias (praticamente vivo como o Bobby no desenho “Fantástico Mundo de Bobby”), mesmo que me perca muitas vezes “fazendo nada”, vide lendo notícias pessimistas e alarmantes da Globo e cia., que não irão acrescentar absolutamente nada em minha vida, exceto despertar e piorar a minha ansiedade…

Muitas tarefas e muita procrastinação

Vamos dar uma geral aqui para que entendam um pouco o que faço (ou tento) além do meu trabalho CLT:

  1. Extra 01 – Ofereço a solução (serviço) para empresas sobre um problema que enxerguei. Possuo 2 planos (menos de R$ 50,00) e não há mensalidade;
  2. Extra 02 – Vendas através do Mercado Livre/OLX revendendo alguns produtos;
  3. Extra 03 – Trabalhos de freelance na minha área de atuação.

Além de tudo isso (que pode parecer muita coisa, ou não parecer nada), ainda tenho em mente um outro projeto para tentar fazer um extra, porém ainda estou na etapa da empatia 😅.

https://www.sienge.com.br/blog/design-thinking-paulo-oliveira/

Como deu para perceber tenho várias tarefas para fazer, então isso muitas vezes acaba gerando uma onda de ansiedade em mim que me faz perder totalmente o foco; vendo apenas os dias passarem e sem nenhum resultado aparente…

“Sem” procrastinação (não somos robôs)

Para tentar me ajudar a ser a tartaruga (devagar e sempre) e não a lebre que se acha esperta demais, sigo muitas vezes o passo a passo a seguir. Como já disse antes, não adianta querer fazer muito e nem querer fazer tudo, pois você poderá se frustrar e irá matar seus sonhos/desejos.

  1. Crie uma lista de execução.
  2. Não espere estar na condição mental ideal ou no “estado de espírito” adequado para realizá-la.
  3. A cada tarefa, siga uma ordem ou sequência de atividades, ou seja, faça um pequeno roteiro das prioridades para que o objetivo possa ser atingido.
  4. A cada realização, vá riscando da lista os itens realizados, registre cada vez que uma parte dos projetos for sendo feita. E finalmente, a parte fundamental para que as tarefas saiam da cabeça e possam ser realizadas…
  5. Execute, PELO MENOS UM ITEM, a cada dia. Tente desconsiderar qualquer desculpa que tenha em mente, como por exemplo, ter que esperar até o último minuto, não se sentir bem ou não saber como fazer, ter outra atividade pendente, estar com preguiça, etc.

Há um tempo atrás encontrei este passo a passo na internet e fez muito sentido para mim, pois estava perdido e me frustrando cada vez mais e mais. Curso de idioma, leitura, blog, extra 01, extra 02, CLT, extra 03, aprendizados, hobbys, ideias etc.

Devagar e sempre…

Tem algo para acrescentar? Compartilha aí!

That’s all folks!

Rapidinha #02 – Fretes no Brasil

Alguns produtos não são possíveis enviar por Mercado Envios (sistema de envios do Mercado Livre), então neste caso o Mercado Livre permite que você cadastre valores predefinidos para que seu cliente veja o frete e pague junto ao efetuar a compra.

Tenho alguns produtos à venda na plataforma, então agora imaginem tal qual foi a minha surpresa ao ter que fazer um envio para milhares de quilômetros de distância, lá no Ceará… E meu anúncio informar que o frete era de apenas R$ 25,00???

Já havia visto inúmeros outros anúncios informando que “NÃO FAZEMOS ENVIOS PARA O NORDESTE”, por exemplo, e que a compra seria cancelada caso alguém de tal região fizesse; então coube a mim correr atrás de fretes e descobrir sozinho como são discrepantes os valores cobrados entre as operadoras.

Compartilho com vocês a tabela à seguir:

Operadoras de envio e a diferença entre valores

É claro, o que mais me espantou foram os Correios. De toda forma estou contando com o Melhor Envio; já havia ouvido falar porém nunca havia utilizado.

Observação: não tenho empresa registrada, logo não emito notal fiscal. Estou contando que deixarão eu enviar apenas com a Declaração de Conteúdo.

Em breve mais detalhes.

That’s all folks!

Grana Extra – Venda de Ingressos do Rock in Rio

Mesmo com muitas pessoas reclamando do Rock in Rio acerca do nome do evento e das bandas e estilos que tocaram ultimamente no mesmo, – pop e funk, por exemplo, ele continua sendo o maior evento do gênero no Brasil, sem sombra de dúvidas!

Para quem curte um rock ou até mesmo outros estilos, eu recomendo que vá ao menos uma vez para sentir a energia. Já fui em 4 edições e não me arrependo, mesmo que em algumas delas houveram bandas repetidas; mas nenhum show é igual ao outro, com certeza!

Guns N’ Roses no Rock in Rio de 1991

Resolvi tentar vender ingressos apenas na terceira vez que fui ao evento, em 2017. Haviam muitas bandas boas (esperadas) e os ingressos esgotaram-se muito rápido na edição anterior, com isso pensei ser uma boa tentar uma grana extra.

Comprei 4 ingressos extras na época, sendo dois para o dia do Aerosmith e outros dois para o dia do Bon Jovi. Desses, três eu consegui vender através do Mercado Livre, negociando com o comprador que a pulseira seria enviada logo após o evento me entregar, o que ocorre meses após a compra.

Como minha conta no Mercado Livre é bem antiga e tenho boa reputação foi fácil vendê-los por lá. Claro, houve certa desconfiança nas perguntas que o pessoal fez, já que eu não tinha o produto ainda, mas acabei criando um anúncio extra e de baixo valor só para que os interessados pudessem ter acesso ao meu contato e, assim, eu conseguisse lhes mostrar o comprovante de compra que havia feito dos ingressos. Além disso, o comprador teria que avisar ao Mercado Livre após alguns dias que ele já estava em posse dos ingressos (política do ML), já que o meu prazo para enviar/receber ultrapassava o prazo de envio/recebimento do Mercado Livre.

Acredito realmente naquele ditado que diz para fazermos com os outros o que gostaria que fizessem com a gente*, então, trato é trato e o combinado não sai caro. Assim que recebi as pulseiras mandei foto para os compradores e fiz o envio (com seguro, claro!) nos Correios.

* meio contraditório já que eu compro ingressos e vendo mais caro, então não gostaria que alguém fizesse isso comigo, mas… hahaha

O outro ingresso que não consegui vender através da internet tive que vender no dia do evento, só que é bastante arriscado pois há a grande possibilidade de roubo, então você deve observar antes para quem irá oferecer e NUNCA ficar em posse do mesmo. Como estava com um grupo de amigos senti mais confiança em ofertar, mas se estivesse sozinho talvez não arriscaria a venda presencial.

Outro detalhe importante é que o cambismo é crime, então você pode ir preso.

Na edição de 2019 novamente arrisquei e fui certeiro pois vendi mais rápido do que em 2017. Adquiri 2 ingressos para o Dia do Metal, onde teria as bandas: Scorpions, Iron Maiden, Sepultura e Helloween (substituindo o Megadeth) no palco principal, além de Slayer e Anthrax dentre outras.

Slayer

Valeu a pena?

Com certeza! Com os valores ganhos paguei praticamente a viagem da primeira vez que pratiquei.

No fim das contas obtive um lucro líquido (tirando as taxas do ML/Correios) de cerca de 45% em cada ocasião.

Com a venda no local o lucro foi menor, pois vendi uma meia-entrada de R$ 277,50 por R$ 325,00.

Dicas

  • Compre ingressos pensando que você vai ao evento, pois caso não consiga vendê-los, ainda poderá desfrutar do momento;
  • Observe os dias/shows mais comentados e, de preferência, bandas que irão se apresentar pela primeira vez no evento ou, até mesmo, no país;
  • Tenha um plano B: conheça pessoas que irão OU que façam excursões para esses shows, então caso não consiga vender, poderá repassar nem que seja a preço de custo;
  • Fique atento as datas de pré-venda e, principalmente, aos descontos oferecidos por bandeiras de cartões de crédito e de bancos;
  • Responda as dúvidas no ML com educação e cordialidade (passe segurança!).

Se tiver alguma dúvida, pergunte aí!

That’s all folks!