Não espere resultados diferentes fazendo as mesmas coisas de sempre

Em Julho/18 escrevi um post com meu Balanço Patrimonial referente ao mês/ano em questão. Na ocasião terminei com a seguinte citação:

Lembre-se: não espere resultados diferentes fazendo as mesmas coisas de sempre.

Pois é, já se passou 1 ano e 19 dias e continuo fazendo muitas coisas da mesma forma. O que quero dizer é que continuo errando nos mesmos pontos.

Por que é tão difícil mudar velhos hábitos?

Confesso que já li bastante, assisti a vídeos e “sei” muitas coisas sobre isso, mas a inércia parece imperar e não permite que se coloque em prática muitas dessas…

Tudo bem, não vou me apegar somente às coisas ruins, já que houveram e estão acontecendo muitas coisas boas.

Uma delas é um investimento que comentei por aqui em Março/19. Dei como presente para minha esposa umas aulas de direção dessas para “quem já tem habilitação mas tem medo de dirigir”. Foi uma das melhores coisas que já fiz!

Agora ela dirige e me ajuda com coisas que antes só eu fazia, por exemplo: ir ao mercado, levar filho para escola, ir na casa da mãe… Este sim foi um tremendo investimento! E havia mais de 12 anos que ela não tinha se quer tocado em um carro.

Enfim, apenas um desabafo para não deixar o blog morrer de vez.

That’s all folks!

 

 

 

Como estão suas metas de início de ano?

E aí pessoas! Espero que estejam todos(as) bem.

Disse em outro post que ando muito ocupado, além de não estar investindo em nada financeiramente (por falta de money = excesso de gastos além do salário) 😦

Fonte: Unsplash

Tudo começou basicamente após a minha frustrada investida empreendedora do carnaval (se você não viu, clica aqui e veja). Mas a vida segue…

Estou fazendo especialização na minha área e, com isso, vieram gastos (sim, poderia evitar se houvesse planejamento). Também estou fazendo curso de idioma, mas neste caso recorri ao meu pai e ele me deu o 1º semestre de presente (pai, aguardo a ajuda também nos outros semestres restantes…) 😀

 

 

De volta ao assunto, estipulei no início do ano:

  • Curso de idiomas;
  • Especialização;
  • Proventos extras;
  • Organizar minhas finanças;
  • Investir.

Todos nós sabemos que quando algo não sai como esperávamos ficamos sujeitos a tristeza e a “puteza” (ao menos comigo é assim). Me sinto um “lixo” que não consegue fazer acontecer, principalmente hoje em dia onde somos bombardeados por fotos chamativas de locais, gadgets, carros, viagens etc, que nossos “amigos” estão desfrutando, mesmo sendo que em 99% das vezes tudo seja dividido em “suaves prestações” que durarão bons meses até a eternidade.

 

Fonte: Unsplash

Não somente isso, mas também a “cobrança” para você ser bem sucedido, se destacar, ser o melhor… Pode ser neura minha ou apenas a cobrança que eu mesmo me faço em demasia. Sinceramente, não sei.

Tenho que aprender a ser grato às coisas que tenho, isso é fato. Sei que a vida pode não seguir do jeito que eu queria, mas não é o fim do mundo e cabe unicamente a mim fazer diferente para que as coisas aconteçam diferente… É tão simples quanto 2 + 2 = 4.

Quero abordar um tema e não sei como começar, mas essa merda já arruinou muito minha vida e nos momentos de tensão volta e meia, volta a me assombrar, igualmente nestes últimos dias.

Confesso que sou um viciado em pornografia.

Para muitos isso pode soar como safadeza, mas saibam que é um problema real e tenho uma luta diária contra isso.

Não estou no clima para falar a respeito por enquanto, mas eu realmente quero compartilhar isso para poder ajudar quem mais precisar de ajuda. Essa merda já me fez (e faz) perder muito tempo procrastinando, tendo contatos de risco, pensamentos negativos etc; já são mais de 20 anos com isso 😦

Qualquer vício virá para tentar (ilusoriamente) acabar com sua angústia, stress, dor etc, mas no fim, após o prazer imediato, os problemas vem piores do que antes e você cai em sã consciência de que aquilo não é legal. E acaba entrando em um ciclo vicioso, onde qualquer stress da vida (que com certeza não é como gostaríamos que fosse e é justamente isso que faz ela ser o que é) faz com que você recaia… e recaia… e recaia.

Por enquanto deixo este site para quem interessar: http://vicioempornografiacomoparar.com/vicio-em-pornografia-o-que-e/

That’s all folks!

Não…

morri e nem fiquei rico AINDA!

Como a maioria da finansfera tenho muitos posts parados no meio do caminho, mas que infelizmente ainda não consegui finalizar.

Confesso que minha vida anda bastante corrida já que estou fazendo especialização, curso de idiomas, capacitações, exercício físico…Wow! O maior investimento que você pode fazer é em você mesmo, ou seja, é se capacitar, sem sombra de dúvidas, pessoal.

Um cara que sempre assisto aos vídeos e que me faz refletir sobre o que estou fazendo atualmente é o David Goggins. Se ainda não ouviu falar dele assista ao vídeo a seguir:

Por enquanto é isso, pessoal!

Tentarei fazer meu balanço patrimonial em breve (porém não houveram mudanças), mas sigo firme e agora com objetivos estabelecidos.

Carro particular ou Aplicativos de Transporte (Uber, 99…)?

E aí pessoal!

Hoje irei falar sobre um assunto polêmico: aplicativos de transporte (Uber, 99, Cabify…) ou carro próprio?

Lembrando que este blog é pessoal, logo reflete a minha opinião que com certeza poderá divergir da sua e de grande parte dos leitores, ou não.

Fiz este comparativo baseado na minha realidade e tive a ideia de escrevê-lo após conversar com um conhecido que está “louco, desesperado” querendo comprar um carro.

Continuar lendo Carro particular ou Aplicativos de Transporte (Uber, 99…)?

Balanço Patrimonial – Mar/19

Segue Balanço referente ao mês de março, pessoal.

Quem acompanhou o Balanço passado deve se lembrar que eu estava com a ideia de sacar meus investimentos (mesmo perdendo pelo saque adiantado) para quitar diversas dívidas. Se você não está lembrado ou não viu, veja aqui.

balanco-patrimonial-marco

Continuar lendo Balanço Patrimonial – Mar/19

O que aprendi ao empreender no Carnaval

Olá pessoal! Espero que estejam todos bem, principalmente após o carnaval.

Minha esposa e eu não gostamos de carnaval, então desde o ano passado eu já estava com a ideia de fazer dinheiro através deste evento em 2019. Conforme viram em meu Balanço de Fevereiro fiz algumas compras em um de meus cartões e coloquei tal informação como observação no post em questão.

Fonte: https://unsplash.com/@eufdias

Na época eu não disse o que era, mas, basicamente, comprei 2k de bebida pensando em faturar uma grana extra durante apenas 3 dias de carnaval.

Como aqui falo praticamente sobre tudo, então vou mostrar meus erros e acertos com essa decisão para que sirva de alerta e dica para todos que por ventura venham a ler este conteúdo e queiram se aventurar com a venda em eventos, sejam eles grandes ou pequenos.

Continuar lendo O que aprendi ao empreender no Carnaval